• Líbel

Gaxetas e Raspadores - Descrição e Aplicações

Atualizado: 28 de mar.


As vedações para aplicações hidráulicas e pneumáticas incluem a linha de gaxetas e raspadores para aplicação em haste e pistão, cilindros, além de anéis de desgaste, entre outros. Alguns materiais como Borracha, Poliuretano, PTFE e Nylon são usados para criar uma variedade de vedações para trabalhar sob diferentes condições hidráulicas e pneumáticas.

A maioria dos selos são criados para o movimento alternado usado comumente em aplicações hidráulicas e pneumáticas como cilindros. Para satisfazer os requisitos essenciais dos equipamentos industriais hidráulicos e pneumáticos, a Nak oferece uma ampla linha de modelos.




 

Descrição do produto


Para os equipamentos hidráulicos e pneumáticos, o design de cilindro está ficando cada vez mais complexo e de alta tecnologia. Para aplicação em cilindro, é requisitado uma variedade muito grande de design de retentores, sendo que os retentores devem apresentar uma longa vida útil e confiabilidade. A principal função é prevenir o escape de gás ou fluido do cilindro, garantindo o funcionamento normal do mesmo, no estado pressurizado ou não.

PRODUTOS

​FUNÇÕES

Raspadores

Prevenir entrada de contaminações externas

Gaxeta de Haste

Vedar contra a haste

Gaxeta de Pistão

Vedar contra o cilindro

Anel de Desgaste

Prevenir contato do metal com metal



 

Informação técnica – Modelos






 

Aplicação


Elementos de vedação são vitais nos equipamentos hidráulicos e pneumáticos. A sua utilização, ou “aplicação’’, é crítica e deve fornecer um caminho para o fluido poder ser alterado em movimento linear. No entanto, a falha do retentor pode ser prejudicial para o equipamento, e por isso é importante garantir a correta instalação dos retentores. A seleção de bons selos hidráulicos e pneumáticos depende dos seguintes fatores:

  1. Aplicação – As gaxetas e raspadores são aplicados em pistão ou haste.

  2. Tamanho e Perfil – O tamanho (diâmetro externo, diâmetro interno e altura) e Perfil devem ser adequados a sua aplicação.

  3. Temperatura - A temperatura do fluido e temperatura operacional devem ser levadas em consideração.

  4. Pressão – É importante informar a pressão estática ou dinâmica. A pressão máxima de funcionamento é um parâmetro importante para a aplicação

  5. Velocidade linear – Número de cursos de cilindros, velocidade máxima, etc.

  6. Meio/Fluído – O tipo e volume do fluido são importantes para definir as outras variáveis acima.


 

45 visualizações0 comentário